27.6.07

OOXML in Portugal

This article is directed to the Portuguese community, so it is written in Portuguese.

O voto Português quanto à adopção ou não do formato OOXML como standard vai ser decidido no próximo dia 16 de Julho. O conjunto de pessoas que podem actualmente votar a favor ou contra essa norma é composta por oito pessoas, uma delas que preside a comissão. São assim representadas as seguintes instituições:
  • Microsoft (presidência);
  • ASSOFT;
  • ISCTE;
  • Inst. Informatica da Seg. Social;
  • Jurinfor;
  • Primavera;
  • Poder Autárquico (Alentejo);
  • Inst. Técn. Informação da Justiça.
De notar que a Microsoft é quem está a propor a passagem do OOXML a norma. Realço também que tanto o ISCTE e a Jurinfor são parceiros da Microsoft, e a ASSOFT também já estabeleceu parcerias com a mesma.

Mas, o que é que isso interessa? O formato OOXML não deve ser adoptado por várias razões, entre as quais:

  1. Já existe um standard ISO26300 chamado Open Document Format (ODF): dois standards aumenta o custo, a incerteza e a confusão na indústria, no governo e nos cidadãos;
  2. Não existe nenhuma implementação provada da especificação OOXML: o Microsoft Office 2007 produz uma versão especial do OOXML, não um formato de ficheiro que cumpra com a especificação do OOXML;
  3. Existe falta de informação no documento de especificação, como por exemplo como fazer um autoSpaceLikeWord95 ou useWord97LineBreakRules;
  4. Mais de 10% dos exemplos mencionados no standard proposto não validam como XML;
  5. Não existe nenhuma garantia de que qualquer pessoa possa escrever software que implemente total ou parcialmente a especificação OOXML sem estar sujeito às patentes detidas pela Microsoft;
  6. Esta proposta a standard entra em conflito com outros standards ISO, como a ISO 8601 (Representation of dates and times), ISO 639 (Codes for the Representation of Names and Languages) ou ISO/IEC 10118-3 (cryptographic hash);
  7. Existe um erro no formato de folha de cálculo que impede a insersão de qualquer data anterior ao ano 1900: erros como estes afectam a especificação OOXM tal como software, como o Microsoft Excel 2000, XP, 2003 ou 2007;
  8. Esta proposta a standard não foi criada através da experiência e conhecimento de todas as partes interessadas (tais como produtores, vendedores, consumidores, utilizadores e reguladores), mas apenas pela Microsoft.
O que podemos fazer para evitar que seja?

Bem, em Portugal temos duas frentes de acção: a primeira é tentar que hajam mais entidades representadas na comissão, e esse esforço já está a ser feito. A outra, talvez mais importante, é explicar qual é a nossa posição aos vários elementos da dita comissão.

Posso, até ao final do dia 12 do próximo mês, apresentar um documento que irá ser entregue aos elementos da dita comissão, para apreciação. Assim sendo, preparei um pequeno documento e estou a recolher assinaturas para mostrar qual é o sentido de voto dos Portugueses quanto a este assunto.

A tua assinatura é realmente importante.
Esta petição vai efectivamente ser lida e tomada em consideração.

Agir é fundamental! http://www.petitiononline.com/OOXMLPT/

5 comments:

  1. Anonymous7:19 PM

    Podes enviar para a comunidade? :P
    OU se quiseres posso mandar eu...
    Atomic

    ReplyDelete
  2. Vais divulgar o dito documento que vais apresentar à comissão?

    ReplyDelete
  3. O documento é a petição!

    ReplyDelete
  4. Anonymous2:54 PM

    Nepes...
    Não foi nada, porque eu nao recebi!

    ReplyDelete